Comunique Erro

 
Nome:
E-mail:
Erro:
Fechar
Empresas amigas
Resultados de Exames

Consulta de resultados de exames

Área médica:
Resultados de Exames

Newsletter

Receba novidades da ACCG

Cotação On line

Faça sua cotação de forma rápida e prática em nosso sistema.

Fazer cotação
Licitações

Confira aqui as modalidades
que a ACCG oferece para licitações.

Notícias
Tamanho da Letra A- | A+

Mutirão de Reconstrução Mamária realiza 12 cirurgias em um único dia

Destaque

Foi realizado, no dia 24/10, o II Mutirão de Reconstrução Mamária do Hospital Araújo Jorge (HAJ). Foram operadas, 12 pacientes, previamente mastectomizadas, para o tratamento do câncer de mama. O Mutirão contou com a participação da equipe multidisciplinar do HAJ, somada ao trabalho voluntário de médicos cirurgiões plásticos e residentes.

O Mutirão de cirurgia de mama está inserido no calendário anual de atividades do Serviço de Cirurgia Plástica do Hospital, acontecendo, anualmente, dentro da Campanha Outubro Rosa. De acordo com o cirurgião plástico do HAJ e responsável pela iniciativa, Dr. Bruno Carvalho, o evento cumpriu seu objetivo.  "Estamos felizes em participar dessa ação social, mas cientes de que o combate ao câncer de mama necessita de uma campanha contínua de conscientização e prevenção”, disse.

Para Bruno, o trabalho voluntário dos colegas médicos foi fundamental para a realização da campanha. "O trabalho voluntário tem mais a ver com dignidade, do que com caridade. Fica registrado nosso agradecimento a todos que coloriram de rosa a luta das nossas pacientes contra o câncer de mama”, concluiu.

Diante da ação solidária, a mobilização para executar o mutirão engloba várias pessoas, dentre elas, a enfermeira responsável pelo centro cirúrgico do Hospital, Jane Gleyce Rodrigues, que organizou todo ambiente para que fosse possível realizar o mutirão. “Trabalhamos fazendo os encaixes desses casos, pois a demanda é muito grande e para as mulheres essa reconstrução é muito importante”, afirmou.

Beneficiadas pela ação, a ansiedade predomina nas pacientes que aguardam, muitas vezes, períodos longos para conseguir o procedimento cirúrgico de reparação nas mamas. Depois de oito meses de recuperação, de uma primeira cirurgia de reconstrução, a advogada Izidora Divina Lopes, foi operada pela equipe da plástica. “Estou muito feliz e a esperança é que dê tudo certo”, disse. Já a esteticista, Maximiliana dos Reis Prado da Silva, tinha o receio de fazer a cirurgia, mas decidiu realizar o procedimento e foi umas das mulheres que fez parte da ação. “Estou tranquila e muito contente”, afirma.

Fonte: Assessoria de Comunicação 

Veja Também